16 de July, 2024
PEQUENO grupo de feirantes recebe arruada do Chega com intolerância e agressões na feira de Adroana. GNR teve de intervir
Atualidade Política

PEQUENO grupo de feirantes recebe arruada do Chega com intolerância e agressões na feira de Adroana. GNR teve de intervir

Fev 18, 2024
GNR teve de escoltar militantes e simpatizantes do Chega

Por REDAÇÃO | 17h20

A GNR de Alcabideche teve de intervir este domingo, de manhã, para acalmar os ânimos de alguns feirantes que receberam com grande hostilidade um grupo de militantes e simpatizantes do Chega, dois dos quais chegaram a ser agredidos, durante a primeira arruada pré-eleitoral organizada pela respetiva Concelhia de Cascais.

Os incidentes registaram-se cinco minutos depois da entrada no recinto dos elementos do partido de André Ventura, entre os quais o presidente da Distrital de Lisboa e deputado parlamentar Pedro Pessanha, o vereador na Câmara Municipal de Cascais, João Rodrigues dos Santos, e Maria Vieira, deputada na Assembleia Municipal de Cascais.

“Sem qualquer tipo de provocação da nossa parte, alguns vendedores ambulantes começaram-nos a hostilizar. O primeiro insulto ordinário foi dirigido ao Presidente da Distrital, e de seguida começaram as calúnias e as cuspidelas, dizendo que aquele era o “território deles”, e que não éramos bem-vindos naquele local”, refere um comunicado do partido, sublinhando que “na entrada da feira estavam elementos do Bloco de Esquerda a distribuir flyers e jornais, com os quais não tivemos qualquer tipo de problema, dentro do espírito de convivência democrática”.

No interior do recinto e ainda de acordo com a nota do Chega, “o Presidente do Partido, Dr. André Ventura, também não foi poupado e foi alvo obviamente de insultos graves à sua pessoa”, além de que “de seguida tiveram lugar dois casos de agressão física (sem consequências), e de um telemóvel tirado da mão do seu proprietário e atirado ao chão”.

VEREADOR João Rodrigues dos Santos também teve de ser escoltado

Perante este cenário de intolerância e hostilidade, foi acionada a GNR de Alcabideche, que compareceu prontamente e terá identificado os alegados agressores.

Os militares acabaram por aconselhar os elementos do Chega a abandonarem o recinto da feira, tendo-os escoltado em segurança até ao exterior, onde procederam à distribuição de flyers e do Folha Nacional sem mais incidentes.

Finalmente, no comunicado, a Direção da Concelhia de Cascais aproveita para “agradecer publicamente aos militantes e simpatizantes que participaram na arruada, e, quando confrontados com o ambiente hostil que se gerou, não arredaram pé e mantiveram sempre a compostura” e promete “voltar sem medo à rua para a semana”.

17 Comments

  • Assim se vê o tipo de escumalha que não gosta do chega, mais uma razão para votar no chega, não nos conseguem intimidar, o tempo de mudança está a chegar

    • O chega é terrorista para as pessoas mas não gosta quando são terroristas com eles. Chega de chega! Só a escumalha é que vota neste partido podre.

      • Ricardo tu és um ganda burro.. Tu és um verdadeiro anti-democrata que ataca um partido legal por exprimir a sua ideia.. Sendo assim ès tu o ditador e escumalha..

      • Escumalha é vc, eu voto no Chega com muito orgulho, sou uma pessoa de bem e séria, pelos vistos vc gosta da roubalheira ou então é mais um calão a viver de subsídios.

  • @Ricardo
    Não é escumalha, muito pelo contrário, são pessoas que já sofreram a repressão e as consequências de partidos como o CHEGA. São as pessoas que viveram a ditadura do Estado Novo, que sofreram as consequências, e não querem que se volte a repetir!!!
    Vivia a Democracia e abaixo o CHEGA

  • Por muito mau que seja o chega, e é, não podem acontecer este tipo de situações

  • Têm o que merecem. Repúdio

  • Só ciganada e ccompanhia!

  • Realmente é como já foi dito aqui: mais uma razão para votar no Chega que é o único partido capaz de fazer frente a esta escumalha e capaz de impedir de toda a escumalha doutros países entrem em Portugal

  • Estes feirantes estão certos a 100 por cento este partido do chega tem que ser posto no seu lugar

  • Irónico pois quando o representante do Chega tem afirmações nos seus discursos de racismo e xenofobia e ataca com atitude de ódio as pessoas de Étenia Cigana querem que depois sejam bem recebidos pelos Ciganos e Feirantes é muito natural que colham o que politicamente semearam com discursos de ódio, racismo, xenofobia e descriminação, ponto acento !!!

    • Exactamente. O que eles estavam ali a tentar fazer? Criar conflitos, não vejo outra razão.

    • Mostra video sff ??

  • É o paradoxo da tolerância: se somos tolerantes com quem não é tolerante sujeitam-nos a sermos eliminados… Parabéns aos envolvidos.
    PCO

  • Mas porque é que devem gostar do chega?

  • Finalmente alguém com “tomates “desculpem-me o termo

  • Em democracia isto não devia acontecer.

Deixe o seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *