17 de July, 2024
AUTOCARRO faz travagem brusca para evitar colisão e provoca 3 feridos entre os passageiros
Atualidade Segurança

AUTOCARRO faz travagem brusca para evitar colisão e provoca 3 feridos entre os passageiros

Mai 7, 2024

Por Redação | 16h14

Três passageiros de um autocarro da linha municipal M27 sofreram ferimentos ligeiros, quando o condutor teve necessidade de efetuar uma travagem brusca para evitar uma colisão com outro veículo, esta terça-feira, de manhã, na avenida 25 de Abril, em Cascais.

Os passageiros, três mulheres, caíram no interior do autocarro, na sequência da travagem.

Duas delas, de 31 e 92 anos, foram transportadas ao Hospital de Cascais em duas ambulâncias dos Bombeiros de Cascais e uma outra, de 64 anos, pelos Bombeiros do Estoril à mesma unidade hospitalar, disse, a Cascais24Horas, Ana Cristina Santos, Comandante dos Bombeiros de Cascais.

Segundo Cascais24Horas apurou, o condutor do autocarro foi forçado a fazer a travagem repentina para evitar colidir com um veículo ligeiro, que terá efetuado uma manobra perigosa.

2 Comments

  • Boa noite todos os eu uso o autocarro para ir até o centro de Cascais,de manhã e final do dia sempre eu estou observando os motoristas. Muito deles faz travagem brusca sem ter necessidade de para dessa forma,ou faz de má vontade ou são inesperientes hoje de manhã usei o autocarro o motorista fez uma travagem brusca eu até achei que seria arremessado do acento.

  • Os motoristas de autocarro têm que ter muita paciência. Fazem mais horas do que aquelas que deviam, têm horários, estipulados pela Câmara e seus superiores, que não correspondem ao real tempo que o percurso demora, o que faz com que andem sempre atrasados, depois têm passageiros que reclamam porque eles ou andam rápido, ou andam devagar, ou têm o ar condicionado demasiado quente, demasiado frio, e isto já para não contar com a quantidade de selvagens (homens e mulheres e TVDE) que conduzem de forma estúpida em Cascais, e no fim acaba sempre por ficar tudo nas costas do motorista, que é o elo mais fraco.

Deixe o seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *